15 de mar de 2010

sala de aula

As vezes, em sala de aula, é simplesmente perturbador que um aluno converse com outro ou que alguém saia de sala no meio de uma aula expositiva.

Tento não tomar como algo pessoal, mas fico pensando o que poderia fazer para que isso não aconteça.
Ao mesmo tempo, detesto aulas espetáculo. Aquelas em que o professor anda de um lado para o outro, alterna ritmos, faz o público rir, etc.

Lendo hoje uma aula do Deleuze sobre Bergson.Uma aula brilhante: link, percebo que o problema atinge a todos.
Ele precisa interromper duas vezes para reclamar de alunos que estão rindo e perturbando.

veja a sua fala: "vous m'emmerdez, vous savez, non cela ne peut pas durer, vous...ce n'est que cela me gêne, ou que cela me vexe mais cela m'empêche de parler vous comprenez, dés que j'ai les yeux sur vous je vous vois hilare alors que se soit un tic, ou que vous rigoliez dans le fond de vous même, moi cela m'est égal , mettez vous là bas, c'est très très embétant pour moi, un espèce de ricanement, c'est gênant, oui, oui, il me fait taire une idée"

um alento!

3 comentários:

Anônimo disse...

Oi, Migliorin. Preciso falar contigo a respeito de um projeto que estamos desenvolvendo aqui em SP.
Me diga seu e-mail ou telefone.
gargantua@ajato.com.br
Luis C. Pavan

história e arte disse...

Viva!!

vim cá parar em pesquisas sobre a documenta de Kassel, entretanto perdi-me :) nas outras informações que tem cá, parabéns!! vou voltar, se me permite

cumprimentos

emilia nogueiro

rgzzz disse...

e que alento!