4 de jan de 2014

2014 - o povo ignorante de O Globo

Editorial do O Globo de hoje.
Não é possível um plebiscito sobre a reforma política porque o povo é ignorante.
"Como o eleitorado pode decidir com equilíbrio entre "lista fechada" ou "aberta" se a grande maioria da população não tem ideia do que se trata?"
A retórica de que o povo não sabe escolher, não sabe voltar, não consegue se informar abre o ano para a elite.
Para esses mesmo é insuportável que o "eleitorado" frequente shoppings, aeroportos, universidades ou saia nas ruas para manifestar, afinal de contas, em suas ignorâncias, eles não sabem o que querem.
O ano promete.


A lógica do Jornal é a mais simples. Existem os que sabem e existem os outros. Existem os que tem legitimidade para falar e os que não. Existem os que tem autorização para decidir sobre o país - pela grana, pelo diploma, pela fama - e os que obedecem. Para isso é importante manter uma democracia controlada pela mesma lógica - grana e fama. Qualquer coisa que possa embaralhar esses papéis ganha nomes bem específicos: caos, vândalos ou povo mesmo.


Lembrando:
ABC da Greve - Leon Hirzman 1979.
Na fábrica o industrial diz: "nos paises comunistas nós não vamos encontrar um diálogo franco entre industrial e empregado. Nós aqui não temos distinção. Então, a abertura que o governo deu, em parte ela é boa. Vamos convir uma coisa: que ainda o nosso povo não está preparado para uma abertura total. O povo brasileiro teria que amadurecer mais um pouquinho para ele entender um pouco melhor o que é democracia"

Um comentário:

Kari Freitas disse...

Prezado editor,

Me chamo Karina e sou editora do site Best Instagram (www.bestinstagram.com.br), uma plataforma de curadoria que reúne os melhores perfis da rede social organizado em gêneros (artes, cachorros, famosos, fotógrafos, gatos, moda, gastronomia, turismo e muito mais).

O objetivo é permitir que usuários do Instagram encontrem com mais facilidade perfis interessantes e criativos segundo suas afinidades.

O interesse em fazer um site dessa temática teve duas motivações. Primeiro, sou fã de carteirinha do Instagram. Gosto de compartilhar fotos, mas especialmente de encontrar perfis que tenham a ver com meus interesses pessoais e profissionais. Segundo, sou entusiasta da fusão arte e tecnologia. A rede social tem atraído artistas, cineastas, escritores, músicos que encontram nela a oportunidade de divulgar, em imagens, seus trabalhos.

Gostaria, portanto, de sugerir o site como pauta de sua publicação.

Estou à disposição para qualquer outra informação.

Atenciosamente,

Karina Freitas