27 de abr de 2008

Andréa Tonacci e Cristina Amaral


ótima dica do Carlos Alberto de Mattos.
Uma entrevista com o Tonacci, diretor do brilhante Serras da Desordem e da Cristina Amaral, montadora do filme. Aula de Cinema, consciência e delicadeza com o trabalho de documentarista.

Na parte dois da entrevista, os entrevistados falam sobre a montagem com grande clareza sobre o processo e sobre a criação que ali acontece.

O cinema brasileiro é por vezes impressionante. Serras da Desordem é um filme raro. Já é um marco na história do nosso documentário. Ouvir Tonacci e Cristina Amaral, é um grande prazer, a inteligência e sensibilidade do filme continuam naquelas palavras, na elaboração que fazem sobre o trabalho.

Vontade de cinema.

Nenhum comentário: