14 de jun de 2007

Roma 3

Mas o que é muito forte em Roma é a presença das imagens - telas, esculturas e afrescos - nas igrejas. Antes do Cristo na Cruz, das Pietas e dos santos, é com a crença na imagem que nos deparamos. Algumas igrejas em Roma insistem em serem igrejas em meio a Caravagio, Bernini e Michelangelo. A peregrinação dos turistas encontra poucos limites e talvez o maior deles seja a presença dos padres e fiéis entre essas imagens.

Carravaggio (1571-1610) "O chamado de São Matheus" na Capela de São Luis dos Franceses

Nenhum comentário: